sábado, 5 de março de 2016

Graffitar

Sou fã dos murais que cada vez mais vemos a colorir a cidade e já aqui tenho mostrado vários. O que eu não gosto mesmo é de gatafunhada em tudo quanto é sítio, sem o menor respeito nem sentido estético. Pelo meio há um ou outro desenho com mais sentido, mas o resto é uma amalgama de letras estranhas umas por cima das outras.




Fotos de Alexandra Sousa

4 comentários:

  1. Não sei onde fica estas fotos mas existe um torço de uma avenida em Lx, de quem vem do tejo para o aeroporto - ali no batista russo - similar a isto. Uma vez até reparei que o prédio desocupato, sem telhado e todo grafitado estava a ser habitado por alguém, que colocou nas janelas panos, cartões e algo com bonecos infantis... Fiquei a pensar se seria uma família que perdeu a casa e tinha filhos, ou se eram sem abrigo, ou ciganos de rua... Não sei se ainda permanece.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Estamos a falar do mesmo local. Isto é mesmo perto do Baptista Russo.

      Eliminar
    2. Pois assim me pareceu. Obrigada por clarificares :D

      Eliminar

Depósito de flores